quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012



Mapa para um lugar algures


Mapa para um lugar algures é uma série que assume a materialidade do papel como gerador da própria obra.
Cada elemento da série corresponde a um vestígio de uma acção performativa directamente sobre o papel fotográfico, numa lógica de apagamento e simultaneamente de rejuvenescimento.
A bidimensionalidade do suporte é questionada pelo próprio gesto do autor, que ao ser anulada, promove a ilusão de tridimensionalidade, sendo as tensões da matéria a influenciar a formação da imagem, quando exposta à luz.
Aqui o autor substitui-se à câmara, a imagem é o resultado de uma luta a duas mãos que nunca se repete.


Mapa para um lugar algures is a series that assumes the materiality of the paper as a generator of the work itself.
Each element in the series corresponds to a vestige of a performative act directly on photographic paper, in the logic of erasure and rejuvenation simultaneously.
The bidimensionality of the support is questioned by the gesture of the author, to be annulled, promotes the illusion of tridimensionality, and the tensions of the materiality influence the image formation when exposed to light.
Here the author replaces up to the camera, the image is the result of a fight over two hands that never repeat.





Mapa para um lugar algures
, 2011
Fotogramas, gelatina e prata s/papeis baritados, provas únicas, 50x60 cm
Photograms, gelatine and silver on baryt papers, unique prints, 20x24 inch

The Mapa para um lugar algures consists originally of 16 images.














Sem comentários:

Enviar um comentário